Taxa de Natalidade

O que é taxa de natalidade?

A taxa de natalidade é caracterizada por indicar a quantidade anual de nados-vivos – seres humanos que nasceram vivos – a cada mil habitantes de uma área. Por exemplo: se em um pequeno vilarejo de 50.000 pessoas a taxa de natalidade de determinado ano equivaler a 15% (por mil), houve, durante aquele período, 750 novos nascimentos.

Esta relação, que é uma das diversas taxas demográficas existentes, foi elaborada visando à viabilidade de se mensurar a quantidade de nascimentos em determinada região durante certo período. Isto é importante, pois é um dos dados necessários para a determinação do grau de desenvolvimento das sociedades.

Taxa de Natalidade
Taxa de Natalidade

Como calcular a taxa de natalidade?

O cálculo da taxa de natalidade é bastante descomplicado, consistindo apenas na divisão do produto entre 1.000 e a quantidade de nados-vivos de um ano pelo número total de habitantes de certa área. Veja, logo abaixo, a fórmula do índice:

Legenda:

  • TN: taxa de natalidade;
  • N: quantidade de nascimentos;
  • P: quantidade total da população.

Origem de “natalidade”

Não há um registro claro sobre a origem da expressão “natalidade”, porém, o mais provável é que esse termo tenha se originado a partir de uma das línguas indo-europeias, especificamente do dialeto “natalitate”, palavra utilizada para referir-se ao nascimento de alguém.

Veja também a origem das seguintes palavras:

Taxa de natalidade: um reflexo social

Quanto menor a taxa de natalidade de uma sociedade, maior tende a ser o grau de desenvolvimento da mesma, sendo esse índice, de maneira análoga às demais relações demográficas, um reflexo dos aspectos sociais, culturais e econômicos de uma nação.

Isto ocorre, pois, essas populações normalmente conhecem os métodos contraceptivos existentes e optam por ter filhos apenas planejados, visando oportunizar as melhores condições possíveis às suas crianças. Ademais, as mulheres pertencentes a essas sociedades, em geral, possuem acesso à maioria dos seus direitos, podendo optar por investir em uma carreira profissional.

Taxa de mortalidade

A taxa de mortalidade é o oposto da taxa de natalidade, indicando, também em permilagem, a quantidade anual de óbitos em determinado lugar. Por exemplo: se em uma cidade de 100.000 residentes, a taxa de mortalidade de certo ano for de 50%, houve, ao todo, 5.000 mortes naquele ínterim.

Taxas de natalidade e fecundidade

É comum que muitas pessoas confundam as taxas de natalidade e fecundidade, devido ao fato delas terem assuntos um tanto semelhantes. Porém, a segunda é responsável por indicas apenas a quantidade média de filhos que as mulheres de certo lugar têm durante o seu período fértil.

Taxa de natalidade no Brasil

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) é o responsável pela determinação da taxa de natalidade no Brasil, o que é feito a partir de pesquisas anuais que são realizadas pelo próprio instituto.

Durante as últimas décadas, pôde-se notar que houve diminuições significativas nos índices de natalidade do país, principalmente nas regiões Sul e Sudeste, o que é consequência do maior foco no desenvolvimento dessas áreas durante as décadas anteriores. O Nordeste e o Norte, por sua vez, ainda possuem taxas elevadas, porém, verifica-se também uma atenuação delas, especialmente com a descentralização da economia, o que propicia a essas regiões um maior desenvolvimento econômico e social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *