Peculiar

O que é peculiar?

O português é uma língua derivada do latim que possui diversos dialetos, os quais ultrapassam a quantidade de quinhentos mil. Por serem muitas palavras, é fato que algumas são mais disseminadas que outras, como é o caso da expressão “peculiar”.

O que Significa “Peculiar”
O que Significa “Peculiar”

Significado de “peculiar”

A palavra “peculiar” é normalmente utilizada com o objetivo de indicar algo, certa característica ou mania, por exemplo, que seja próprio de determinada pessoa. Essa palavra pode também expressar excentricidade ou ainda ter um teor pejorativo e ser utilizada para designar algo estranho.

Origem de peculiar

A palavra “peculiar” deriva do latim – como quase todos os dialetos da língua portuguesa –, especificamente da palavra peculiaris, a qual exprime a tipicidade de algo.

Além da palavra peculiar, surgiram outros termos do latim, como a palavra “detrimento“, “caput“, “logradouro“, entre diversas outras palavras.

Originalmente, a expressão era empregada com o intuito de referir-se a propriedades privadas ou a rebanhos; entretanto, caiu em desuso utilizar “peculiar” para tais designações.

Sinônimos de peculiar

Os principais sinônimos dessa palavra são:

  • Extraordinário;
  • Inconfundível;
  • Característico;
  • Excepcional;
  • Excêntrico;
  • Pertinente;
  • Particular;
  • Diferente;
  • Genuíno;
  • Singular;
  • Especial;
  • Original;
  • Próprio;
  • Inédito;
  • Único;
  • Curial;
  • Ímpar.

Antônimos de peculiar

Os principais antônimos dessa expressão são:

  • Costumeiro;
  • Corriqueiro;
  • Genérico;
  • Corrente;
  • Habitual;
  • Regular;
  • Comum;
  • Normal;
  • Difuso;
  • Trivial;
  • Típico;
  • Banal;
  • Usual;
  • Geral.

Peculiar – um adjetivo

O termo “peculiar” é um adjetivo primitivo restritivo que, tal como quaisquer adjetivos, pode sofrer variações de grau, de gênero e de número.

Adjetivos são palavras que caracterizam o substantivo, seja de forma pejorativa ou apreciativa; por caracterizarem o nome, esses termos devem concordar com o substantivo em todas as flexões.

  • Flexão de grau: indica a intensidade do adjetivo, utilizando expressões como “muito” e “pouco”;
  • Flexão de gênero: promove a concordância entre os gêneros do adjetivo e do substantivo; se o nome for masculino, por exemplo, o adjetivo deve ser masculinizado;
  • Flexão de número: promove a concordância entre os números do nome e do adjetivo; se o substantivo estiver no plural, por exemplo, o adjetivo deve ser pluralizado.

Exemplos de frases com o termo peculiar

Como detalhado, esse termo pode ser utilizado em distintas situações. Veja, a seguir, alguns exemplos de como aplicar essa expressão no cotidiano.

  • “Rafael tem peculiares hábitos, como o de sempre ler o livro no qual foi inspirado determinado filme antes de assisti-lo de fato”;
  • “Carla tem a peculiar mania de sempre comer a sobremesa antes do prato principal”;
  • “André é sempre muito peculiar quando se encontra em locais desconhecidos, evitando quaisquer contatos visuais”.

O orfanato da Srta. Peregrine para crianças peculiares

A palavra peculiar tornou-se mais popular, principalmente no Brasil, após ser utilizada no nome do filme “O orfanato da Srta. Peregrina para crianças peculiares”, o qual foi dirigido pelo cineasta norte-americano Tim Burton.

O filme baseia-se em um livro de mesmo nome e narra a história do Jacob, um adolescente que viajou até o País de Gales, seguindo pistas deixadas por seu avô, que morreu de forma misteriosa.

Durante o desenvolvimento do enredo, Jacob descobre: que as crianças peculiares, que ele pensava serem invenções de seu avô, realmente existem; que ele também é peculiar; como e por quem seu avô foi assassinado. O filme, tal como o livro, terá continuações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *